Skip to main content
como se destacar numa entrevista de emprego

Entrevista De Emprego: 10 Formas De Se Destacar E Ter Sucesso

O profissional não deve tentar realizar a entrevista de emprego no lugar do recrutador.

 

Saber falar sobre os resultados e a flexibilidade para negociar também ajuda.

 

Atire a primeira pedra quem nunca tremeu na base numa entrevista de emprego. Seja um profissional mais ou menos experiente, isto é bastante comum.

 

Com empresas cortando gastos e custos operacionais, os profissionais que estão em busca de um trabalho tendem a encontrar mais dificuldade para se recolocar no mercado. Até mesmo conseguir a entrevista de emprego torna-se uma árdua busca.

 

Para isso, uma entrevista de emprego é uma grande oportunidade para demonstrar a iniciativa e o desempenho do candidato, e isto pode ser decisivo para a conquista do trabalho.

 

"O profissional deve pensar sobre como pode contribuir para a empresa e, se deseja ser aprovado, deve tentar conectar suas ideias com a demanda da empresa e elucidar pontos que convergem com o trabalho que será executado", diz Lúcia Costa, diretor-geral do Stato, consultoria especializada em gestão de carreira.

 

Veja 10 dicas para se destacar na entrevista:

 

1) Estude o recrutador e não tente conduzir a entrevista de emprego

Com o nome do entrevistador, o profissional pode tentar saber qual é o seu perfil, encontrar algo que possa ajudar a "quebrar o gelo". É importante lembrar que a entrevista de emprego não é uma simples conversa, é uma espécie de "prova" e o entrevistador não é um amigo.

"O candidato deve agir naturalmente, mas estar ciente do que está na frente de uma pessoa que é especialista em analisar as pessoas, com técnicas para deixar você à vontade para ser capaz de extrair a informação que você está procurando", lembra Lúcia.

 

2) Investigue sobre a empresa

O candidato, se já sabe qual é a empresa contratante, deve levantar a maior quantidade de informações possíveis sobre ela. Falar com pessoas que conhecem ou trabalham no setor, e procurar entender quais são os desafios atuais. Informações como a origem da empresa, história, tamanho, cultura e valores, sempre, sempre ajudam.

 

3) Seja pontual e cuide da sua apresentação pessoal

Este é um ponto interessante no processo seletivo. Chegar com muita antecedência demonstra ansiedade, mas chegar atrasado é o pior dos cenários. O candidato deve chegar de 10 a 15 minutos antes da hora marcada para a entrevista de emprego, para evitar atrasos.

 

Com relação à apresentação pessoal, a primeira impressão é a que fica. "É mais seguro optar por roupas mais formais, dentro de seu próprio estilo. Certifique-se, também, de que ele é adequado para o ambiente de trabalho de sua área de atuação", diz Lúcia.

 

4) Saiba falar de si e de seus resultados

O profissional deve estar preparado para falar de si, de seu potencial e de sua carreira, de uma forma estruturada, fazendo com que o entrevistador perceba o quão importante pode ser para a empresa.

 

Suas conquistas e realizações em empresas anteriores são um assunto importante para tratar na entrevista de emprego. Contar fatos da vida pessoal só é válido se isto tiver uma conexão com habilidades e potencialidades para o trabalho e, especialmente, se o candidato ainda não tem experiência e histórias profissionais para contar.

 

5) Pontos fortes e a desenvolver

É importante que o candidato esteja preparado para apontar as suas qualidades e discutir como lidar com seus defeitos, sem que eles se tornam grandes perdas na entrevista. Quando questionado sobre os seus pontos fortes, o candidato deve apresentar características pessoais e profissionais positivas e provar isso com base em fatos que ocorreram no trabalho e gabaritos dos colegas e chefes.

 

"Ele não deve ter medo de falar sobre pontos a desenvolver ou coisas que faria diferente. Muitas vezes o entrevistador quer ver como a pessoa lida com seus próprios limites e erros e não há nada melhor do que ser capaz de reconhecer e mostrar o que aprendeu com eles. Afinal ninguém é perfeito", diz o especialista.

 

Saiba mais

 

6) Por que você deve ser escolhido?

"Falar bem de você com consistência em todas as passagens, e sem gerar controvérsia em algum ponto do curso, através de experiências, formação, idiomas, aperfeiçoamento técnico e profissional e soft skills - vai ajudar para que o entrevistador entenda que a empresa ganha com a sua contratação", diz Lúcia.

 

7) "Cases" de sucesso e exemplos da vida real

De acordo com Lucia, o candidato deve citar situações da vida real, para demonstrar as suas competências técnicas e comportamentais, fugindo de um discurso ensaiado.

 

"Relatando situações reais com resultados concretos, quantificados ou qualificados, vai te dar maior credibilidade na hora da avaliação do seu perfil. Quanto mais detalhes melhor, você deve saber as datas, os seus resultados, números e dados referentes à sua carreira e à sua história. Desta forma você terá mais credibilidade com o entrevistador".

 

8) Seja claro, objetivo e verdadeiro

O profissional deve ter clareza sobre seus objetivos de carreira e saber como falar dos motivos da saída de empresas em que trabalhou.

 

"Não se ater a situações delicadas que podem ter passado, comente-as brevemente e mantenha o foco em sua carreira, que deve ser muito bem ilustrada no seu currículo. Ele deve servir como um guia para as respostas da entrevista", diz Lúcia.

 

9) Escolha suas referências pessoais

Os empregadores exigem, normalmente, as referências e os candidatos devem solicitar a autorização prévia das pessoas que serão consultadas.

 

"Não dê como referência antigos desafetos profissionais como, por exemplo, um ex-chefe com quem você tenha se desentendido.

 

Na medida do possível, tente evitar a nomeação de parentes como fonte de referência. Pode ser que isto não seja bem visto pelos outros, além de ser uma indicação de falta de socialização e de insegurança pessoal", diz o especialista.

 

10) Esteja aberto para negociação

O candidato não deve "exigir" um valor de salário. Em compensação, ele pode falar sobre o seu último pacote (salário + benefícios) e demonstrar flexibilidade com relação ao assunto. Isto, é claro, se você gostou do projeto e sentiu confiança na empresa.

 

"Ao ser abordado sobre o salário e suas expectativas em uma entrevista de emprego, tenha em mente o praticado pelo mercado. Se está alinhado com a remuneração que está sendo oferecida para a sua função e o seu nível, e mostrar a flexibilidade para negociar acordos com os benefícios e desafios", diz Lúcia.

 
Luiz Henrique Mello   é empresário do setor de educação. Tem 20 anos de experiência em Recrutamento, Seleção e Treinamento de profissionais em diferentes áreas e níveis de trabalho.

2 thoughts to “Entrevista De Emprego: 10 Formas De Se Destacar E Ter Sucesso”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *